Páginas

segunda-feira, 18 de julho de 2011

SÃO PAULO – Centro Histórico

E às 6:00 estávamos em pé! Sonolentos, mas empolgadíssimos, seguimos para buscar os primos e deixarmos o carro no Metrô Jabaquara. Primeira vez de Metrô para eles e para o filhote. Levamos o carrinho de bebê e foi super tranquilo. Sempre tinha um funcionário do Metrô atento para abrir os acessos laterais às catracas para a passagem do carrinho.

E lá fomos nós, felizes e contentes para a estação da Sé, para participar do roteiro da Sé, oferecido pelo Turismetro, no horário das 9:00... Para nossa triste surpresa, eles alteraram a programação (até sábado a noite a página na internet não tinha sido atualizada... hoje já está) e não haveria o passeio naquele horário para a Sé... Para ‘tapar o buraco’, nos ofereceram um mapa turístico da cidade e nós resolvemos conhecer o centro por nossa conta.

Catedral da Sé e arredores


No fim deu tudo certo! Começamos pela Catedral da Sé, linda e toda restaurada! Milhões de fotos com a atriz principal e nós de coadjuvantes diante daquele imensidão, sob um céu de brigadeiro! Azul lindo, sem nenhuma nuvem! Pena ainda termos tantos mendigos pelas ruas.

Dali – uma paradinha na banca de jornal para comprar pilhas para a máquina fotográfica – e seguir para o Pateo do Colégio. O mapa turístico que nos ofereceram era meio complicado de seguir, então sacamos o GPS da mochila, colocamos o destino e pedimos a rota para pedestre... Tudo isso para andar 2 quadras! Era do ladinho! ;)

Pateo do Colégio

O Páteo é lindo e seu jardim interno super aconchegante. Além de toda a história, com sua parede de taipa preservada, está ali o Café do Pateo... Uma delícia os cafés e pães de queijo! E se vc está na cafeteria, pode utilizar o toalete sem custo nenhum... Porém se vc está passeando pelo Centro e precisa de um banheiro, este é limpo e organizado, por R$ 2,00. Sem fraldário.

Seguimos então pelo calçadão até o Centro Cultural Banco do Brasil, imaginando que conseguiríamos ver a exposição ‘O Mundo Mágico de Escher’... Nem pensar! A fila dava a volta – literalmente – no quarteirão! E o quarteirão no centro é gigante!!!

Centro Cultural Banco do Brasil e Prédio do Banespa

Mesmo assim, conseguimos entrar no Centro Cultural e fazer uma fotinho na instalação “Sala da Relatividade”, onde nos sentimos anões e gigantes só mudando de lado dentro da mini-sala. Até 17 de julho – grátis.

E seguindo pelo mesmo calçadão, passamos pelo Edifício Martinelli, Bovespa, BM&F e chegamos à Igreja e Mosteiro São Bento. E nos assustamos com a quantidade de pessoas que saíam da Igreja ao final da missa e se amontoavam em fila para fazer compras na padaria do mosteiro... OK que é para ajudar os monges e tal, mas enfrentar uma mega fila, para pagar R$ 60,00 num bolinho com 15cm de diâmetro... Sorry, não é pra mim...


Mosteiro e Igreja São Bento & Vista do Viaduto do Chá

Entramos, escutamos um pouquinho de Canto Gregoriano e nos encantamos com a beleza dos vitrais... Depois saímos e seguimos para o Viaduto do Chá; De lá apreciamos o Banespinha, prédio que tem um jardim lindo na cobertura; o Shopping Light e uma pintura dos Gêmeos numa lateral de um dos prédios.

Fotos, fotos, fotos e seguimos para a Estação São Bento do Metrô para poder seguir para casa. Ainda no caminho de volta, filhote encantou e bagunçou com todos os que entravam e saíam do metrô.


Ponte Estaiada
Ao pegar o carro, demos uma voltinha maior para chegar em casa, e passamos pela Ponte Estaiada, novo cartão postal de São Paulo.

***

Ainda sobre o Metrô:
1. a passagem custa R$ 2,90
2. existe um programa muito interessante para empréstimo de bicicletas no Metrô

Um comentário:

Gi do Prado disse...

Olá Lilian,

Adorei seu blog, virei fã.
Obrigada por citar e visitar o Sampa para crianças vou retribuir a gentileza.
Estou curtindo muito fazer o blog, pena que ainda não consigo me dedicar a ele o quanto gostaria, mas chego lá.
Bjs e boas viagens!

Gi do Prado
http://saopauloparacriancas.blogspot.com