Páginas

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Kidzania - A cidade das Profissões

Aproveitamos uma promoção do Groupon e o feriado da nossa cidade, durante a semana, e visitamos a Kidzania.

No 2º subsolo do Shopping Eldorado, está uma das novidades (um tanto caras) voltada para as crianças de 4 a 14 anos.

A proposta é que nesta cidade de mentirinha todos podem trabalhar, estudar e comprar. Receber dinheiro e gastá-lo.

É verdade que existem muitas críticas ao fato de cada 'trabalho' estar relacionado a uma empresa real, uma marca. Eu particularmente não vejo grandes problemas nisso. Proteger as crianças do consumismo não vai trazer grandes vantagens para elas, mas ensiná-las a lidar com isso, aí sim estamos conversando...

E foi exatamente nessa que ensinamos e aprendemos com os pequenos neste passeio. Nosso sobrinho de 8 anos, já estava mais esperto com tudo isso. Entendeu que precisava ganhar dinheiro para poder gastar. E começou a escolher onde gastar. Somente naquilo que ele gostava de verdade e não em qualquer oportunidade que passava pela frente.



Nosso mais velho, de 5 anos, curtiu muito, mas ainda mais restrito a entender quanto ganhou e quanto gastou. As escolhas ainda não estavam envolvidas com o dinheiro e sim com o que ele gostava e ponto.


A pequena, de 2 anos, não paga. Mas também não participa do jogo  'ganhar-gastar'; não participa das atrações mais legais. Mas tem sim duas áreas destinadas aos menores de 4 anos. Uma casa de mentira, mas com muitos eletrodomesticos de verdade... e uma área da Play-Doh com uma infinidade de opções de massinhas de modelar, além de alguns instrumentos musicais e brinquedos educativos. 



Enfim, distração e diversão para todos.

A sacanagem mesmo fica no custo no ingresso dos adultos, que pagam mas não participam de nenhuma atividade.

A proposta de meio período é complicada, pois fica muito restrito escolher quais atividades participar. Todas em geral tem fila e tomam um certo tempo. Como fomos durante a semana, estávamos livres para entrar e sair durante o horário 'integral'. Também por ser durante a semana estava com uma lotação moderada, pois havia um grupo grande de uma escola.

Aliás isso foi um pouco chato... muitas crianças com poucos adultos cuidando. Crianças correndo demais e numa dessas, um maiorzinho trombou a nossa pequena, que voou de cabeça no chão... Quando eles vão com os pais é praticamente 1 adulto por criança (ou mais... hehe...); acho que isso ajuda a minimizar a 'bagunça'.

Quanto as atividades em si, foram das mais diversas, e mesmo das que eles não participaram foi muito interessante observar...

Bombeiros que vestem uniforme, sobem no caminhão e atravessam a cidade para apagar um incêndio com mangueiras e água de verdade; ambulância socorrendo doentes e hospital funcionando a todo vapor; polícia investigativa; universidade e estúdios de dança, teatro, música e pintura; serviços de entrega de encomendas e proteção de valores; fotógrafos, jornalistas e radialistas; na área de alimentos opções para aprender a fazer hambúrger, pizza, chocolate, ketchup e suco; além de profissões como jogador de futebol e piloto de avião. Além dessas algumas outras que não  me dou conta de lembrar.




As crianças amaram. Se divertiram muito.
Vale o passeio, mas se conseguirem um bom desconto.
No preço normal, não vale o quanto pede.
Com o desconto fica um pouco mais justo.

(Este post não é patrocinado. Trata-se apenas da nossa experiência e opinião pessoal com os serviços e locais informados).

Um comentário:

Iriri disse...

Muito massa!!!